domingo, 21 de agosto de 2011

Convenção e Aliança



Convenção do DEM reflete aproximação com Henrique e o PMDB

Mais que um simples evento meramente partidário, a convenção do Partido Democratas (DEM) do Rio Grande do Norte, ocorrida na manhã deste sábado (20), na Assembleia Legislativa, deixou claro a disposição de aproximação com o PMDB e por outro lado de distanciamento com o PSD do vice-governador Robinson Faria. Reconduzido ao cargo de presidente estadual do DEM (função que acumulará com a presidência nacional) o senador José Agripino Maia agradeceu a presença dos líderes peemedebistas Henrique e Garibaldi Alves, dos aliados do PSDB e PP, e também fez questão de nominar o nome do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta, que faz parte do grupo que já abre a porta do novo partido criado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.
"Eu agradeço imensamente a presença do presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta, filiado do PMN. Fiquei muito feliz com a vinda dele aqui", disse José Agripino ao saldar os presentes. O nome do vice-governador sequer foi mencionado, inclusive pela governadora Rosalba Ciarlini que fez questão de citar parceiros e parceiras que ajudaram a pôr em prática e consolidar interesses do Estado.
A troca de gentilezas com o PMDB foi uma das tônicas do encontro. O deputado Henrique Alves disse que a partir de agora se recusa a subir em palanque diferente do senador Garibaldi Alves, que apoiou Rosalba Ciarlini desde a eleição de 2010.
Tribuna do Norte